3 de set de 2009

Dalê Dalê CORINGÃO!


Vitória sofrida, suada..

Mais CORINTHIANS que isso Impossivel!

Começamos o jogo bem melhor que o timinho do litoral, dominávamos o meio campo e chegávamos a frente com mais facilidade que o adversário.

Elias é o técnico do timão dentro do campo, é ele quem orienta, quem reclama com o juiz, quem bate as faltas no meio, quem organiza nosso time em campo, é ele o porta voz de Mano Menezes.

Gostei da atuação do Paulo André bom zagueiro na sobra, bons passes e ainda arriscou algumas cabeçadas na área, além de ter errado poucos passes, é o que já falávamos, pra que Jean? Foi tarde este traste.

Balbuena é bom lateral direito-esquerdo, marca bem, bate bem na bola, tem frieza quando é pressionado, e em dois jogos deixou dois adversários sentados no chão, com cortes secos, a abutraíada de merda, noticiou “Corinthians contrata zagueiro do Paraguai” em tom pejorativo, agora engulam a seco, seus merdas, porque o cara é paraguaio mais não se chama Domingos.

Que jogada a do Segundo gol, Jorge toca para Elias que recebe e lança Balbuena no lado direito da grande área, esse de cabeça alça a bola para o meia da área, Henrique fura, Chicão fuliza uma cabeçada mortal, é GOL! E que golaço!

Não sei o que foi mais bonito, se foi a jogada do gol, a festa da torcida que foi um espetáculo a parte coisa mais linda desse mundo só de lembrar eu já me arrepio, ou se foi a Comemoração do Chicón (como fiz minha Avó Carmen, que é espanhola).

Porra, fala sério, um jogador que comemora um gol daquela maneira, com aquela raiva, aqueles segundos que vão do ódio ao amor, um verdadeiro desabafo, de mercenário ele não tem nada, até porque, veste este manto sagrado desde que chegou sempre com muita raça, nunca vi corpo mole de sua parte, lembro-me de uma de suas primeiras partidas com o manto sagrado no Paulistão de 2008, não lembro contra quem foi, mais o jogo foi até no privadão, em que o Coelho ainda lateral direito errou na marcação e Chicão deu-lhe uma peitada, o estádio inteiro aos berros “CHICÃO! CHICÃO!” então, essa escória de merda, tem que ter mais respeito pra falar do Coringão e de nossos guerreiros, Chicão pra mim já pode ser considerado Ídolo.

O Juiz até tentou se complicar, expulsando Mano e invertendo umas faltas, mais um dia depois de 99 anos de mística alvinegra nada estragaria nossa festa. E até o safado do Luxemburgo reconheceu a superioridade do Coringão.

É isso aê, duas semanas pra treinar, acertar o time encaixar o Marcelo e La Pulga, vamos com tudo, que ainda dá tempo.

VAI CORINTHIANS!

QUEBRA TUDO TIMÃO

2 comentários:

Claudio Yida Jr disse...

Festa memorável, noite de São Jorge!

Mônikita disse...

Nossa ontem foi tudo de bommm.
Aquela combinação que só o CORINTHIANS e a FIEL sabem fazer.

É NÓIS AMIGO

Besos

VAI CORINTHIANS!